Domingo, 12 de Julho de 2009

Razões encontradas para a abstenção:

- Falta de credibilidade da classe política;

- Ausência de motivação para ir votar;

- Sentimento de desinteresse / frustração cada vez maior dos cidadãos pela política;

- Inexistência de uma cultura / obrigação de participação eleitoral.

 

Outros factos importantes na luta contra a abstenção:

- Os apelos ao voto surgem sempre por parte dos políticos;

- As campanhas contra a abstenção são sempre muito formais e pouco criativas;

- O impacto das campanhas é reduzido;

- Nunca se utilizou o dia das votações para se incentivar ao voto. É proibido apelar ao voto num determinado partido, mas não deverá ser proibido incentivar a ida às urnas.

 

A CAMPANHA PARA DIMINUIR EM 15% A ABSTENÇÃO NAS PRÓXIMAS AUTÁRQUICAS:

- Escolha de personalidades da sociedade civil, artística e cultural portuguesa para dar a cara no incentivo ao voto;

- Concepção de uma campanha com spots publicitários para TV, Rádio e Imprensa escrita, com essas personalidades;

- Escolha de um slogan / desafio para os potenciais eleitores. Exemplos: "Não deixe ninguém não votar! Ajude a combater a abstenção!" ou "Não deixe a abstenção vencer estas eleições!";

- Organização de campanhas no dia das eleições autárquicas: criação de linhas municipais de transportes para os locais de voto (com autocarros decorados com o slogan "Não deixe a abstenção vencer estas eleições!"), rodagem dos spots publicitários em todos os meios de Comunicação Social, organização de eventos com entrada gratuita para quem votou, distribuição de flyers nos cafés / esplanadas / centros comerciais com a questão "Já votou?", etc.



publicado por Panama às 19:08
Um blog de apoio à Licenciatura em Comunicação Empresarial - Instituto Superior Miguel Torga
SOBRE O AUTOR
pesquisar neste blog
 
Julho 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9

13
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
29
31


arquivos
2011

2010

2009

comentários recentes
olá...adorei o site...estava a fazer um trabalho a...
blogs SAPO